7 motivos para investir em tecnologia em tempos de crise

Uma das maiores consequências que as organizações enfrentam atualmente é a instabilidade e as constantes flutuações na economia. Nesse cenário, é preciso buscar alternativas viáveis para se manter ativo e competitivo no mercado, como investir em tecnologia em tempos de crise.

Apostar na automatização e eficiência de processos não é um aumento de gastos. O investimento em empresa de tecnologia é uma escolha inteligente para melhorar o desempenho do seu negócio.

Isso vai tornar seus processos mais ágeis, reduzindo custos operacionais e desnecessários, elevando a qualidade dos serviços e a produtividade de suas equipes.

Pensando nisso, mostramos nesse post 7 motivos para investir em tecnologia em tempos de crise e se manter sempre forte e atuante no seu nicho de mercado. Boa leitura!

Por que investir em empresa de tecnologia?

A transformação digital propiciou forte mudanças nos relações sociais, principalmente nas demandas dos clientes. Por isso, um dos motivos principais para investir em tecnologia é a otimização da experiência do cliente.

Com ferramentas inovadoras, é possível fornecer soluções personalizadas para seus consumidores e fazer com que o contato dele com a sua marca seja inesquecível.

A automatização de processos por meio de bots e o uso de Business Intelligence (Inteligência do Negócios) são recursos tecnológicos que estão tornando a análise preditiva de desempenho das empresas cada vez mais certeira.

Com eles, é possível reduzir o trabalho operacional e direcionar a equipe para funções mais analíticas e voltadas para a estratégia do negócio.

O impacto digital no mercado e nas empresas é tão evidente que, segundo pesquisa divulgada pela Brasscom (Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação), o setor tem um peso de 7% no PIB nacional. Além disso, o estudo aponta que, até 2021, o investimento em tecnologia deve movimentar mais de 250 milhões de dólares.

Diante desses dados, fica evidente como a transformação digital é uma realidade e tendência sendo fortalecida no mercado. Os clientes estão mais exigentes e cobrando soluções cada vez mais ágeis.

Ao focar em soluções baseadas em estudos analíticos, graças à automatização de processos, por exemplo, a propensão é que os processos das empresas se tornem cada vez mais certeiros. Isso deve acirrar, ainda mais, a concorrência entre elas.

Agora, vamos aos 7 motivos para investir em tecnologia em tempos de crise. Confira!

1. Realizar o controle e monitoramento das atividades

A modernização no ambiente corporativo é essencial para que o empreendedor possa monitorar e supervisionar de perto o que acontece em seu empreendimento.

Para executar essa tarefa sem maiores dores de cabeça, deve-se apostar em ferramentas que proporcionem maior agilidade na administração e na obtenção de relatórios com amplo diagnóstico sobre a organização.

Dessa forma, é possível identificar vulnerabilidades e gargalos, possibilitando a reversão do quadro e a correção de problemas, por meio de um plano estratégico e ações efetivas, para aprimorar a gestão e fortalecer a sua marca.

Para que isso funcione, é preciso abandonar hábitos conservadores e apostar em soluções inovadoras, com o objetivo de tornar a companhia mais estável, mesmo nos momentos de maior turbulência.

2. Aumentar a produtividade da equipe

Produzir mais sem perder a qualidade é um grande desafio no mundo corporativo. Por isso, investir em tecnologia em tempos de crise é a garantia de elevar o desempenho de suas equipes e garantir resultados significativos para o seu negócio. Os softwares de gestão integrada são ferramentas absolutamente úteis nesse sentido.

Afinal, trata-se de uma solução voltada para as empresas que integra os dados de diversos departamentos em um único banco de dados, permitindo o acesso dos colaboradores aos arquivos rapidamente, sem a necessidade de se deslocar a outro setor para obter informações e documentos para a execução de suas atividades.

Além disso, com o uso dessa ferramenta, as reuniões de equipe se tornam mais rápidas, produtivas e eficientes, já que as pessoas vão direto ao assunto e conseguem traçar prazos e metas realistas, contribuindo para melhorar os indicadores de desempenho, a comunicação interna e o acompanhamento dos trabalhos de cada integrante do time.

3. Promover a redução de custos nos processos

Quando se fala na diminuição dos gastos, muitos empresários já pensam em corte de pessoal. No entanto, nem sempre isso é necessário, pois as ferramentas modernas automatizam procedimentos rotineiros e otimizam o cotidiano, gerando uma grande economia para o negócio.

O próprio sistema de gestão integrada, citado no tópico anterior, é uma poderosa arma para alcançar esse objetivo.

Esse software integra as etapas de vendas, compras, faturamento, produção, logística e gerenciamento de estoque, acelerando a execução de cada uma delas, que trabalham em sinergia, reduzindo o desperdício de tempo, recursos e a incidência de erros, evitando retrabalhos (e custos) desnecessários.

4. Aprimorar a comunicação interna

Dar atenção a esse aspecto é fundamental para acelerar as atividades na empresa e fortalecer o trabalho em equipe. Isso pode ser realizado com o uso de plataformas para a comunicação com outros colaboradores, reduzindo a burocracia no cotidiano e nas interações laborais, facilitando a vida de gestores e funcionários.

Além disso, também pode-se investir em recursos de telefonia, como o PABX, que possibilita um rápido atendimento por meio de ramais, por um preço bastante inferior quando comparado aos valores tradicionais das chamadas telefônicas, tanto internas como entre filiais, além de facilitar bastante o contato com o público externo.

5. Fortalecer o relacionamento com o cliente

A atração e fidelização de novos consumidores é outro ponto de constante preocupação por parte de gestores e empresários. Neste caso, a utilização de ferramentas tecnológicas pode ser uma excelente aliada.

O marketing digital e o uso das redes sociais são imprescindíveis para se aproximar de seu público-alvo, conhecer de perto seus anseios e necessidades, se adaptar a essa demanda e não deixar o número de negócios cair.

Portanto, invista em um banco de dados robusto, capaz de reter todas as informações sobre seus clientes, automatizar processos de marketing e utilizá-los para realizar análises. Elas são determinantes no processo de tomada de decisão e permitem criar ações para aumentar as vendas e desenvolver um relacionamento positivo com seus consumidores.

6. Aperfeiçoar metodologias para investir em tecnologia em tempos de crise

Se você tem um perfil conservador, é hora de repensar suas prioridades. Em tempos de incertezas e instabilidades, é fundamental desenvolver o seu próprio diferencial competitivo e tornar seu empreendimento mais dinâmico e com maior capacidade de adaptação às mudanças.

Empresas engessadas não conseguem sobreviver às flutuações da economia, ainda que tenham uma marca forte e sólida.

Para reverter esse quadro, deve-se promover a inovação e o aperfeiçoamento constantes, mostrando à concorrência que sua companhia tem maturidade e competência, mesmo quando o cenário econômico está desfavorável.

7. Transformar a tecnologia em resultados

As soluções corporativas são um investimento, não um custo extra. Afinal, elas oferecem benefícios que vão muito além do aumento na produtividade, como a otimização de processos, o aumento da confiabilidade de seus produtos/serviços, impulsionando o empreendimento, o que se reflete em resultados positivos.

Quanto maior for a inteligência de mercado utilizada pelo empreendedor, mais fácil será adequar-se e se renovar, superando todas as dificuldades, conseguindo até mesmo crescer e expandir sua atuação no mercado. Investir nisso é garantir o desenvolvimento de indicadores cada vez mais favoráveis.

http:// https://bit.ly/3a6yCZl

Deixar um comentário